SHOW RURAL

31/01/2020

Governo leva estrutura, serviço e tecnologia para o Show Rural

Governo leva estrutura, serviço e tecnologia para o Show Rural(31/01/2020) O Governo do Estado amplia sua participação e prepara uma série de atividades que serão desenvolvidas ao longo da 32ª edição do Show Rural, feira promovida pela Coopavel, em Cascavel, que começa nesta segunda-feira (03) e vai até sexta-feira (07). Secretarias de Estado, autarquias e empresas públicas vão participar com apresentação de tecnologias e serviços voltados para o agronegócio, com foco também no desenvolvimento sustentável. O governador Carlos Massa Ratinho Junior confirmou presença no evento.

A abertura oficial será domingo (02), às 11 horas, com missa campal. De 3 a 7 de fevereiro, o parque estará aberto à visitação das 8h às 18h, com acesso gratuito. Entre as atrações, destaque também para 2º Show Rural Digital, que ocupará estrutura de 8,7 mil metros quadrados, novidades nos setores da pecuária, suinocultura e avicultura e lançamento de máquinas e de novas tecnologias em híbridos e cultivares.

O evento, um dos principais do setor no País, deve receber cerca de 250 mil pessoas durante os cinco dias em um ambiente de 720 mil metros quadrados, na BR-277 saída para Curitiba. Serão 650 expositores, com movimentação financeira estimada em até R$ 2 bilhões.

Veja o que o Governo do Estado vai oferecer durante a edição 2020 do Show Rural:

AGRICULTURA E ABASTECIMENTO – O secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento Norberto Ortigara fará palestra segunda-feira (3) sobre sanidade animal. Também vai se reunir, ao longo da semana, com cooperativas e organizações do agronegócio, como a Associação Brasileira das Entidades Estaduais Assis Técnica e Extensão Rural. Além disso, está programada a entrega de uma unidade do programa Trator Solidário.

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO RURAL DO PARANÁ – IAPAR-EMATER – Entre as ações, duas estufas foram preparadas para mostrar novas práticas para os interessados em cultivar olerícolas. Será possível ver canteiros de tomate e pimentão em plena produção. Um plantio está sendo feito no sistema de calhas, com adubação diluída na água de irrigação. O visitante poderá conhecer também sistemas de armadilhas para captura de pragas, além do cultivo de morango no sistema semi-hidropônico, suspenso em bancadas, sem solo. Os técnicos vão mostrar como o produtor pode fazer sua própria muda.

Os profissionais preparam uma coleção de espécies frutíferas como uva, maracujá, goiaba, caqui, banana e figo. O objetivo é mostrar o sistema de produção de cada espécie, desde a escolha da cultivar até a colheita, passando pela produção de mudas, preparo, correção e adubação do solo, plantio, tratos culturais e controle de pragas e doenças.

Outra atração neste ano é a utilização de tecnologias alternativas para a produção sustentável, como iscas, armadilhas e ensacamento dos frutos, além do uso de caldas e extratos. Também serão ofertados minicursos sobre enxertia em videiras.

Outra atração é a Cozinha Criativa, cuja proposta é abordar o combate ao desperdício dos alimentos. Haverá demonstrações de aproveitamento de cascas de frutas para a fabricação de doces, licores, sucos e outras receitas acessíveis ao público.

Ainda durante o Show Rural, o instituto apresentará diversas tecnologias alternativas para um sistema sustentável de produção de grãos. Os técnicos e pesquisadores vão mostrar as vantagens do trabalho de conservação de solos, a importância da cobertura vegetal para a retenção de água, o uso de adubos verdes e do gesso agrícola. Estratégias para redução do uso de defensivos agrícolas com o Manejo Integrado das Pragas (MIP) e o monitoramento das doenças serão sugeridos como ferramentas que aumentam a rentabilidade do produtor.

ADAPAR – A Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar) estará presente no evento com orientações sobre sanidade vegetal e animal. Um estande da Adapar reunirá técnicos, médicos veterinários e agrônomos, divulgando o Ano Internacional da Saúde das Plantas, as ações organizadas com o fim da vacinação contra febre aftosa no Paraná e apresentando o Estado como referência mundial em agronegócio.

PEQUENOS ANIMAIS - Os pequenos animais também estarão presentes na área do instituto. Na apicultura serão apresentadas tecnologias para a produção de mel, cera, pólen e própolis. Práticas de manejo das colmeias de abelhas com e sem ferrão serão divulgadas pelos extensionistas.

A criação de peixes também terá destaque. Os técnicos estarão a postos para repassar informações sobre todas as fases da criação de tilápias, até mesmo sobre a obtenção de crédito, por meio do Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para custeio e investimento na atividade. Para o produtor que está pensando em entrar no ramo do turismo rural, os extensionistas prepararam algumas atividades lúdicas que podem ser implantadas nas propriedades. São jogos e brincadeiras que vão divertir os visitantes.

TECPAR – O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) vai levar seus serviços e soluções tecnológicas no espaço de inovação no Show Rural Coopavel, Show Rural Digital. Durante a feira, o Tecpar assina um termo de cooperação técnica com a Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Fundetec), sediada em Cascavel.
O Instituto tem soluções tecnológicas que apoiam o agronegócio, como ensaios para avaliar, por exemplo, conformidade de corretivos agrícolas, de fertilizantes, de alimentos e bebidas, de águas e efluentes, e para determinação de resíduos de medicamentos veterinários em alimentos de origem animal e de resíduos de agrotóxicos em alimentos de origem vegetal. Na área de certificação, o Tecpar certifica Sistemas de Produção e Processamento de Produtos Orgânicos e também de Unidades Armazenadoras, por exemplo.

Pelo acordo, que será assinado entre Tecpar e Fundetec, na terça-feira (4), as duas instituições vão cooperar em projetos conjuntos na área de ciência e tecnologia e inovação, com foco na atração de novos negócios e no apoio ao setor produtivo. A parceria estimula a união da produção científica das instituições, em favor de uma agenda que gere soluções mais eficientes e inovadoras.

BRDE – O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) promove diversos eventos, além do estande preparado para receber clientes e população em geral. Na quinta-feira (06), às 10 horas, será lançado o edital de chamamento público para inscrições no Programa BRDE Labs.

A iniciativa oferece apoio, capacitação e aporte de recursos às startups de todo o País que desenvolvem soluções para diversas áreas, mas com foco no agronegócio e na indústria 4.0.
Também na quinta-feira (06), às 14 horas, o banco de fomento fará a liberação de operações de crédito que ultrapassam R$ 80 milhões, beneficiando cooperativas e agricultores paranaenses.

CELEPAR – A Celepar vai levar diversas atividades durante o Show Rural Digital. Entre elas, destaque para o Pitch Day Celepar, que é parte de um programa de transformação digital e inovação que integra o Estado e a companhia.

O objetivo é identificar ideias que tragam algum tipo de benefício ao cidadão, fazendo com que os projetos possam ser integrados às políticas de estado. Serão slots de 15 minutos para cada apresentação, onde cada participante, seja empresa privada, startup, estudantes, instituições de ensino, vai demonstrar o potencial dessa iniciativa para uma banca de ouvintes, ao final do processo, serão incluídas em um banco de projetos.

Outro ponto é que, pela primeira vez o Governo do Paraná vai promover uma arena hackathon no Show Rural em Cascavel. Em um espaço de mais de 170 metros quadrados, com o apoio da Celepar, a maratona terá início às 8h da segunda-feira (03) e seguirá de forma ininterrupta até que as tarefas estejam todas cumpridas. Serão mais de 75 participantes divididos em 15 equipes com objetivo de encontrar soluções inovadoras para serem aplicadas ao agronegócio.

COPEL – O principal enfoque da companhia de energia elétrica será o programa Paraná Trifásico. Haverá uma rede de distribuição de energia simulada mostrando como é a rede monofásica e como é a trifásica, com atendimento para esclarecimento de dúvidas sobre o projeto.

Além disso, está programada uma apresentação na terça-feira (04), às 16 horas, do presidente da companhia, Daniel Slaviero, e do superintendente de Projetos Especiais da Copel, Julio Omori, sobre o início do Paraná Trifásico no Oeste e Sudoeste, com dados de 2020, e sobre os investimentos gerais da Copel nas duas regiões.

SANEPAR – A companhia estará presente com o EcoExpresso Sanepar, ferramenta de educação ambiental que mostra o ciclo da água do rio ao rio. O ônibus foi preparado com maquetes e painéis para que os visitantes visualizem a água desde a nascente, passando pela formação de rios, barragens e poços para captação, por uma estação de tratamento, redes e reservatórios de distribuição para as residências, até a destinação final, como esgoto tratado. A grande maquete chama a atenção aos cuidados que todos devem adotar para conservar os mananciais e a qualidade da água.

A companhia também levará para Cascavel também a Unidade Móvel Operacional, dispositivo utilizado pela companhia para o controle da qualidade da água, através de análises físico-químicas com equipamentos instalados em um veículo.


Agência de Notícias do Paraná.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.